Contador de visitas

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Seletivo de professores abre inscrições nesta quinta-feira

Rede estadual
 
 As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas até o dia 26.
 
Imirante.com,
 

O Processo Seletivo Simplificado terá validade de um ano. (Foto: Reprodução)
SÃO LUÍS - Serão abertas, nesta quinta-feira (19), as inscrições do Seletivo Simplificado para contratação temporária de professores, para atuarem nas modalidades de Ensino Médio Regular, Quilombola e Educação Especial em escolas da rede estadual do Maranhão, conforme os editais 054/2017 (Ensino Médio Regular e Educação Quilombola) e 053/ 2017 (Educação Especial).
As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas até as 23h59 do dia 26, exclusivamente pelo endereço eletrônico da Secretaria de Estado da Educação (Seduc). No total, serão ofertadas 77 vagas mais cadastro de reserva para o Ensino Médio Regular e Quilombola. Para professores da Educação Especial serão ofertadas 89 vagas.
O seletivo constará de avaliação curricular de títulos e experiência profissional docente, realizado em etapa única. Os candidatos aprovados, dentro do limite de vagas, serão contratados pela Seduc, em regime de 20 horas de trabalho semanais.
Após efetuar a inscrição, o candidato deverá entregar, até às 19h do dia 27, os documentos e títulos - acompanhados da ficha de inscrição, gerada via internet -, nas sedes da Unidade Regional de Educação a qual estiver jurisdicionado, cujos endereços estão indicados no edital.
O Processo Seletivo Simplificado terá validade de um ano, a contar da data da homologação, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da Seduc.

Cuide do seu coração e viva melhor: evite o tabagismo


O consumo do tabaco é um fator de risco para seis das oito causas principais de morte no mundo


Foto: Reprodução
A doença cardiovascular é a primeira causa de mortalidade no Brasil e provavelmente nas próximas décadas continuará sendo a grande responsável por internação e custos relacionados à saúde. Dentre as doenças cardiovasculares, a doença aterosclerótica é a grande vilã da população, sendo responsável pela doença coronária (angina e infarto) e pelos acidentes vasculares cerebrais (AVCs ou derrames). São conhecidos os principais fatores de risco para doença cardiovascular: hipertensão arterial, diabetes mellitus, história familiar, dislipidemia e tabagismo. São fatores associados a obesidade, o sedentarismo e o estresse emocional.
O tabagismo é um dos hábitos de vida mais prejudiciais à saúde. A fumaça do cigarro consiste de substâncias químicas voláteis (92%) e de material particulado (8%) resultantes da combustão do tabaco. A nicotina, uma amina terciária volátil, é o componente ativo mais importante do tabaco. Os componentes do tabaco que mais contribuem para os riscos à saúde são o monóxido de carbono, elemento da fase gasosa, e a nicotina e o alcatrão, substâncias das partículas da fumaça. A nicotina é a droga psicoativa que mais causa dependência. É responsável por acelerar o ritmo cardíaco e a pressão arterial, além de estimular o sistema nervoso central, levando a agitação e a distúrbios de memória. O hábito de fumar é responsável por mais mortes do que todas as outras drogas psicoativas juntas.
O consumo do tabaco é um fator de risco para seis das oito causas principais de morte no mundo: doenças cardíacas isquêmicas, acidentes vasculares cerebrais, infecções das vias aéreas inferiores, doença pulmonar obstrutiva crônica, tuberculose e cânceres de pulmão, traqueia e brônquio. Usado de qualquer forma (cigarro, cachimbo, rapé), é responsável por 90% de todos os cânceres de pulmão. Além disso, o consumo do tabaco pode trazer prejuízos para a saúde daqueles que são fumantes passivos, e para bebês de mães fumantes que podem nascer prematuramente ou com baixo peso. A fumaça ambiental dos cigarros também é responsável por causar danos à saúde, principalmente em asmáticos, crianças e adultos com tendência às doenças cardíacas, além de comprometer significativamente a qualidade do ar.
O tabagismo é responsável por:
– 200 mil mortes por ano no Brasil (23 pessoas por hora);
– 25% das mortes causadas por doença coronariana;
– 45% das mortes causadas por doença coronariana na faixa abaixo dos 60 anos;
– 85% das mortes causadas por bronquite e enfisema;
– 90% dos casos de câncer no pulmão (entre os 10% restantes, 1/3 é de fumantes passivos);
– 30% das mortes decorrentes de outros tipos de câncer tabaco-relacionados (boca, laringe, faringe, esôfago, pâncreas, rim, bexiga e colo do útero);
– 25% das doenças vasculares (derrame cerebral, trombose).
O tabagismo ainda pode causar:
– impotência sexual no homem;
– complicações na gravidez;
– aneurismas arteriais;
– úlcera do aparelho digestivo;
– infecções respiratórias;
As estatísticas revelam que os fumantes comparados aos não fumantes apresentam risco:
– 10 vezes maior de adoecer de câncer de pulmão
– 5 vezes maior de sofrer infarto
– 5 vezes maior de desenvolver bronquite crônica e enfisema pulmonar
– 2 vezes maior de ter derrame cerebral
A boa notícia é que ao parar de fumar, o risco de ter essas doenças vai diminuindo gradativamente e o organismo vai se restabelecendo. É normal, que, ao parar de fumar, os primeiros dias sejam os mais difíceis pela dependência que a nicotina causa por sua ação no sistema nervoso central, porém as dificuldades serão menores a cada dia.
A cessação do tabagismo resulta no restabelecimento progressivo da saúde corporal. Os efeitos imediatos do desaparecimento da nicotina no sangue são o controle da pressão arterial e dos batimentos cardíacos e a restauração do nível de oxigênio na circulação. Após 2 dias, o olfato tende a normalização, além do paciente perceber significativa melhora na respiração. Após 5 a 10 anos sem fumar, o risco de doenças cardiovasculares se igualar a de uma pessoa que nunca fumou. Assim, quanto mais cedo o indivíduo parar de fumar, menor o risco de câncer, doenças cardiovasculares e respiratórias.
Com o objetivo de parar de fumar sem sofrer, basta tomar a decisão de procurar por tratamento médico adequado. O tabagismo é uma doença. Não é doença do comportamento, ou hábito de vida. É doença do cérebro, com mais de 5 circuitos cerebrais envolvidos. Mudança comportamental não pode ser o único alicerce da interrupção. Estas tentativas frustram a maioria dos fumantes, e é um fator que atrasa a interrupção precoce do tabagismo. O fumante fica com a falsa ideia de que o problema é só dele, e que ele tem que resolver sozinho.
O recomendado é que o fumante seja avaliado pelo médico e este elabore a estratégia terapêutica, que pode envolver muito mais que abordagem comportamental, que é apenas parte do tratamento. Há médicos especialistas na área além de centros de controle do tabagismo em hospitais de referência. O acompanhamento médico (4 a 5 consultas) e o uso de medicação para o tratamento do tabagismo aumentam em 3 a 5 vezes chance de parar de fumar, e reduz chance de recaída precoce e ganho de peso.
O tratamento atual do tabagismo prevê o uso da terapia escalonada que é a introdução gradual dos medicamentos, como se faz para tratar quem tem pressão alta, com a diferença que o paciente toma medicação por um período de 3 a 4 meses e depois são suspensos os remédios antitabaco. Assim como na hipertensão arterial, os pacientes são classificados com a doença em estágios como leve, moderada e grave. Na medida em que a doença é mais grave, mais medicação é necessária. Doença mais leve, às vezes, responde apenas à mudança no estilo de vida.
Não perca essa oportunidade de cuidar de sua saúde, de reduzir o risco de doenças graves – pare de fumar – ganhe vida.

34 detentos não retornaram a Pedrinhas após saída para o Dia das Crianças


Os detentos deveriam retornar  até às 18h dessa segunda-feira (16).


Foto: Reprodução
Na última terça-feira (10), 613 presos deixaram o complexo penitenciário de Pedrinhas, beneficiados pelo Dia das Crianças. Os detentos deveriam retornar  até às 18h dessa segunda-feira (16). Porém, a A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou que apenas  579 presos retornaram. 34 apenados não retornaram da saída do Dia das Crianças.
Nas saídas temporárias da Semana Santa, Dia das Mães e Dia dos Pais, ocorridas durante este ano, 135 presidiários não voltaram a Pedrinhas. A portaria dita que os apenados contemplados com o benefício devem preencher os requisitos dos artigos 122 e 123 da LEP, que dispõem sobre a saída temporária. Os beneficiados deverão obedecer algumas normas como não se ausentar do Estado, recolher-se às suas residências às 20h, não ingerir bebidas alcoólicas, não portar armas; não frequentar bares, festas ou similares.
Segundo a LEP, são cinco as saídas temporárias às quais os presos que cumprem pena em regime semiaberto têm direito durante o ano (Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia das Crianças e Natal). A LEP também dita que a autorização para as saídas será concedida por ato motivado do juiz da execução após ser ouvido pelo Ministério Público e a direção da administração penitenciária.

Flávio Dino começa perder a essência da toga ao lotear o governo por apoio


 
Governador Flávio Dino

Governador Flávio Dino
O governador Flávio Dino tem dado claras demonstrações de que está botando de lado toda essência sobre os valores que aprendeu quando exerceu o importante papel de juiz federal.
Parece que o jogo podre da política contaminou Flávio, que vem usando os mesmos métodos da política suja em troca de apoio de políticos para sua reeleição ao Governo do Maranhão, em 2018.
À época da toga, Dino condenava políticos que se utilizavam desses meios. Durante a campanha, ele cansou de denunciar e criticar seus opositores por usarem a máquina pública para “comprar” apoio.
Todos sabem como a política funciona, agora é de se estranhar que um ex-juiz federal faça parte desse mesmo jogo com o único objetivo de se reeleger

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Exportações têm crescimento de 15,1% em setembro, anuncia a FGV


Entre as três atividades econômicas pesquisadas, a principal alta no volume exportado entre setembro de 2016 e setembro deste ano foi observada na agropecuária (94,5%).


Foto: Reprodução
As exportações brasileiras tiveram um crescimento de 15,1% em setembro, na comparação com o mesmo período do ano passado. Já as importações cresceram 18% no período. As informações do Indicador do Comércio Exterior (Icomex) foram divulgadas hoje (17) pela Fundação Getulio Vargas (FGV), no Rio de Janeiro.
Entre as três atividades econômicas pesquisadas, a principal alta no volume exportado entre setembro de 2016 e setembro deste ano foi observada na agropecuária (94,5%). As exportações da indústria extrativa cresceram 7,3% e as da indústria da transformação tiveram aumento de 5,3%.
Dentro da indústria da transformação, apenas os bens de capital tiveram queda no volume exportado (11,6%). Entre as outras quatro categorias de uso, os bens de consumo duráveis foram os que tiveram maior alta nas exportações (27,2%), seguidos pelos bens de consumo semiduráveis (10%), pelos bens intermediários (9,5%) e pelos bens de consumo não duráveis (5,5%).
Já os preços dos produtos exportados cresceram 2,7%, enquanto os preços dos importados caíram 1,5% entre setembro de 2016 e setembro deste ano.

Redação do Enem que desrespeitar direitos humanos pode receber nota zero


De acordo com o Inep, a prova de redação do Enem sempre exigiu que o participante respeite os direitos humanos, mas, desde 2013, o edital do exame tornou obrigatório o respeito ao tema


Foto: Reprodução
Entre as regras a serem seguidas pelos candidatos que vão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) na elaboração da prova de redação está o respeito aos direitos humanos. Quem defender ideias avaliadas como contrárias aos direitos humanos poderá receber nota zero na redação.
De acordo com a Cartilha do Participante – Redação no Enem 2017, divulgada hoje (16) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), algumas ideias e ações serão sempre avaliadas como contrárias aos direitos humanos, como: defesa de tortura, mutilação, execução sumária e qualquer forma de “justiça com as próprias mãos”, isto é, sem a intervenção de instituições sociais devidamente autorizadas.
Também ferem os direitos humanos, a incitação a qualquer tipo de violência motivada por questões de raça, etnia, gênero, credo, condição física, origem geográfica ou socioeconômica e a explicitação de qualquer forma de discurso de ódio voltado contra grupos sociais específicos. Segundo o Inep, apesar de a referência aos direitos humanos ocorrer apenas em uma das cinco competências avaliadas, a menção ou a apologia a tais ideias, em qualquer parte do texto, pode anular a prova.
No ano passado, quando o tema da redação foi “Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil”, foram anuladas as redações que feriram os direitos humanos porque incitaram ideias de violência ou de perseguição contra seguidores de qualquer religião, filosofia, doutrina, seita, inclusive o ateísmo ou quaisquer outras manifestações religiosas, além de ideias de cerceamento da liberdade de ter ou adotar religião ou crença e que tenham defendido a destruição de vidas, imagens, roupas e objetos ritualísticos.
De acordo com o Inep, a prova de redação do Enem sempre exigiu que o participante respeite os direitos humanos, mas, desde 2013, o edital do exame tornou obrigatório o respeito ao tema, sob pena de a redação receber nota zero.
A prova de redação, que será aplicada no dia 5 de novembro, exige a produção de um texto em prosa, do tipo dissertativo-argumentativo, sobre um tema de ordem social, científica, cultural ou política. O candidato deve apresentar uma proposta de solução para o problema proposto, a chamada intervenção, respeitando os direitos humanos Também deve ser apresentada uma referência textual sobre o tema.

Ministro decide que voto no Senado sobre afastamento de Aécio será aberto



Calouro entre os ministros, Alexandre de Moraes poderá ficar no Supremo pelos próximos 26 anos, quando alcançará os 75 anos, idade da aposentadoria compulsória. (Ascom/STF)

Ministro do STF acolheu pedido de liminar apresentado pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Plenário do Senado deve analisar nesta terça (17) situação de Aécio no parlamento.

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que a votação prevista para esta terça-feira (17) para analisar a eventual revogação do afastamento do senador Aécio Neves (PSDB-MG) do mandato parlamentar ocorra por meio de voto aberto e nominal. O magistrado concedeu uma liminar (decisão provisória) acolhendo um mandado de segurança apresentado pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).
Nesta terça, os senadores deverão apreciar no plenário se dão aval à decisão da Primeira Turma do STF que impôs, em 26 de setembro, o afastamento do mandato e o recolhimento domiciliar noturno do parlamentar tucano.
“Liminarmente, determino ao presidente do Senado Federal a integral aplicação do § 2º, do artigo 53 da Constituição da República Federativa do Brasil, com a realização de votação aberta, ostensiva e nominal em relação as medidas cautelares aplicadas pela 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal ao senador da República Aécio Neves”, escreveu Moraes em trecho do despacho. (G1)

Júnior Verde destaca importância da entrega de motocicletas policiais no MA

 


Presidente da Frente Parlamentar de Segurança Pública e Privada da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Júnior Verde (PRB) participou da entrega de 103 motocicletas policiais pelo Governo do Estado para municípios maranhenses, na semana passada. Na ocasião, o parlamentar entregou as chaves de quatro viaturas novas, junto com o governador Flávio Dino, para o prefeito de São Mateus, Miltinho Aragão.
“Já são 303 unidades entregues deste o início da gestão do governador Flávio Dino, e representam um grande reforço para a Segurança Pública nesses municípios”, destacou Júnior Verde, que desde o início do mandato tem solicitado mais investimentos para a Segurança no Estado, inclusive a nomeação urgente dos subjudices, aprovados no concurso público da PM, mas que até agora não iniciaram o curso de formação.
Para o prefeito Miltinho Aragão, a doação vai permitir mais agilidade às demandas em São Mateus. Essas motos vão facilitar o acesso quando a atuação da polícia se fizer necessária. Elas são de suma importância para a segurança pública”, afirmou o gestor.
A cerimônia realizada no auditório da Secretaria de Estado da Fazenda contou com as presenças dos deputados estaduais Cabo Campos (DEM), Vinicius Louro (PR), Valéria Macedo (PDT), Levy Pontes (PCdoB) e Rogério Cafeteira (PSB)

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Demissão de secretário abre crise entre petistas vinculados e não vinculados ao governo comunista

Partidos

Secretaria de Esportes, que era ocupada por Márcio Jardim, foi negociada como o PP, com anuência da direção do PT, o que irritou diferentes correntes da legenda no estado
Augusto Lobato é submisso a Flávio Dino e aceitou demissão de Márcio Jardim

Augusto Lobato é submisso a Flávio Dino e aceitou demissão de Márcio Jardim (Foto: Arquivo)
SÃO LUÍS - Partido com o maior tempo na propaganda eleitoral e reduto do principal candidato a presidente do Brasil, o PT não consegue se impor no Maranhão para ocupar postos de poder na estrutura do governo comunista. O partido apoia incondicionalmente o Palácio dos Leões, mesmo ocupando apenas postos sem maior expressão. Na semana que passou, esse espaço ficou ainda menor, com a demissão do secretário de Esportes, Márcio Jardim, que será substituído por um indicado do PP.
A demissão de Jardim foi o mais recente capítulo envolvendo a legenda de Lula no estado. O comando estadual, presidido pelo professor Augusto Lobato – ele próprio assessor especial do governador Flávio Dino (PCdoB) – aceita de bom grado qualquer ação do comunista em relação ao PT. Mas os petistas de outras correntes reclamam de que Dino submete o PT a uma posição medíocre, manipulando a legenda aos seus próprios interesses.
Há duas semanas, Flávio Dino chamou dois filiados ao PT para cargos em seu governo. Mas os dois – Terezinha Fernandes e Lawrence Melo (este último filiado apenas para receber o cargo, segundo denunciam petistas) – foram nomeados por serem amigos do próprio Flávio Dino, não por indicação do partido.
O assunto foi exposto pelos membros da corrente Construindo um Novo Brasil, a maior do partido.
Uma das últimas manifestações críticas da relação do PT com o governo Flávio Dino foi assinada pelo sociólogo e funcionário público federal Nonato Chocolate, dirigente municipal da legenda.
Chocolate destaca que Dino aparelhou o PT estadual para assegurar a vitória do seu assessor especial, Augusto Lobato, com o objetivo de controlar as decisões internas do partido.
“Defendo que a partir de agora devamos exercitar ao máximo o diálogo, tendo em vista o melhor cenário para sustentação da candidatura de Lula em 2018”, diz o petista, em carta encaminhada à militância.
Mas o próprio fechamento da carta de Nonato Chocolate mostra a posição que o PT maranhense tem hoje em relação ao governo comunista.
“Nós queremos ir com Flávio, mas ele, ao que parece, não nos quer”, diz o sociólogo, numa tradução exata da posição de submissão da legenda.
Mais
A demissão do secretário de Esportes Márcio Jardim do governo Flávio Dino estava anunciada há mais de três meses. Sem qualquer força pessoal para se manter no posto – e sem amparo no próprio PT – o petista tentou vincular sua imagem a Lula. Chegou a acompanhar o ex-presidente na caravana pelo Nordeste, entre julho e setembro, posando com o líder petistas em várias situações. Não adiantou. Flávio Dino sequer levou em consideração a articulação de Jardim com Lula, anunciando sua demissão na última sexta-feira, 13. Até porque, na caravana de Lula também estava o deputado federal Waldir Maranhão, do mesmo PP que agora vai ocupar a pasta dos Esportes.

PF cumpre mandado de busca e apreensão em gabinete de deputado


Deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA)
Deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA)
(Com informações do G1)
A Polícia Federal (PF) cumpriu mandados de busca e apreensão na manhã desta segunda-feira (16) no gabinete do deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) na Câmara dos Deputados. Agentes da PF chegaram a interditar o acesso ao sexto andar do anexo IV, onde fica o gabinete do peemedebista.
Lúcio é irmão do ex-ministro Geddel Vieira Lima, preso por tempo indeterminado desde julho, após investigadores apreenderem R$ 51 milhões em um imóvel atribuído ao político. Segundo a PF, é a maior apreensão de dinheiro vivo da história da corporação.
Além do gabinete do deputado, também há buscas no imóvel dele em Brasília e no prédio em que ele e o irmão têm apartamentos em Salvador, na Bahia.
Em setembro, as investigações sobre o assunto foram remetidas ao Supremo Tribunal Federal (STF). O motivo da transferência do caso para o STF são os indícios encontrados nas investigações em relação a Lúcio Vieira Lima, que, na condição de deputado federal, tem foro privilegiado no STF.

Dinheiro apreendido em apartamento atribuído a Geddel Vieira Lima

Dinheiro apreendido em apartamento atribuído a Geddel Vieira Lima
De acordo com a PF, o apartamento foi emprestado a Lúcio Vieira Lima e era usado por Geddel. A corporação informou ainda que apreendeu uma nota fiscal de uma funcionária de Lúcio Vieira Lima no apartamento onde estava escondido o dinheiro.
A operação desta segunda-feira investiga se há relação entre Lúcio Vieira Lima e os R$ 51 milhões. Os investigadores querem saber se ele poderia ser beneficiário ou intermediário do dinheiro.
A ação ocorre a pedido da Procuradoria-Geral da República, autorizada pelo ministro Luiz Edson Fachin, do STF.

Governo do Estado já vai iniciar credenciamento para o carnaval



Diego Galdino: secretário de Cultura
A Secretaria de Estado da Cultura e Turismo já vai iniciar segunda-feira (16) o credenciamento para o “Carnaval de Todos 2018”, com o objetivo habilitar propostas de atividades artísticas e culturais para compor a programação do circuito carnavalesco.
Os interessados poderão fazer as inscrições no horário das 14h às 18h, de segunda a sexta, no prédio da Biblioteca Pública Benedito Leite, Praça Deodoro, centro de São Luís. O prazo de inscrição encerra dia 16 de novembro.
As propostas também podem ser enviadas via Correios, por Sedex, desde que tenham sido postadas até o último dia de inscrição, e endereçadas à sede da Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur) situada na Rua Portugal, nº 303, Centro, São Luís, MA, CEP 65010-480.
Serão aceitas propostas para as categorias agremiações carnavalescas, manifestações culturais, populares e tradicionais e banda/show.
Após realizada a inscrição, serão analisados os documentos de habilitação dos interessados conforme as exigências do Edital de Credenciamento, que pode ser consultado no site da Sectur, www.sectur.ma.gov.br, banner Credenciamento Cultural.

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

FESTA DO DIA DAS CRIANÇAS NO COLÉGIO F.A. C. 2017

FESTA DAS CRIANÇAS NO COLÉGIO F.A. C. COM MUITA PIPOCA PRESENTE, BOLO, FRUTAS, BRINCADEIRAS, PALHAÇO, PULA PULA, PISCINA DE BOLINHA. COM PARTICIPAÇÃO DO DIRETOR E DIRETORA, FILHOS, ALUNOS, FUNCIONÁRIOS E PROFESSORES, FOI UM SHOW. 



















































quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Crianças com diabetes receberão medicamento mais moderno

SUS
 Saúde está investindo R$ 135 milhões a mais para ofertar a insulina análoga, que melhorará a qualidade de vida desses pacientes.
 
Imirante.com, com informações da Agência Saúde


A expectativa é que o medicamento esteja disponível já em 2018. (Foto: divulgação)
BRASÍLIA - As crianças portadoras de diabetes tipo 1 terão à disposição no Sistema Único de Saúde (SUS) um dos mais modernos medicamentos para o tratamento da doença: a insulina análoga. Em alusão ao Dia das Crianças, comemorado no próximo dia 12, o Ministério da Saúde anunciou, nesta quarta-feira (11), que irá investir R$ 135 milhões, por ano, na compra do novo insumo. A expectativa é que o medicamento esteja disponível já em 2018. A nova aquisição será uma importante ferramenta na melhora da qualidade de vida de 100 mil crianças com maior dificuldade de controle da doença.

Estudos apontaram que insulina análoga proporciona um melhor controle glicêmico nos sintomas relacionados à hiperglicemia e diminuição das complicações agudas e crônicas decorrentes do diabetes. O produto é de fácil aplicação, sua embalagem é uma caneta, resposta rápida e com doses que podem ser adaptadas a situação do paciente.
Leia também:
O novo tratamento será ofertado, prioritariamente, às crianças e adolescentes, já que o diabetes tipo 1 apresenta o seu pico entre 10 a 14 anos. A demanda representa 10% do total de crianças com diabetes no país, que são 1 milhão. No entanto, pacientes adultos, com este tipo da doença, também poderão ter acesso ao medicamento, desde que tenham indicação médica.

tratamento precoce
Estudos apontam que o tratamento precoce de crianças com diabetes evita dificuldade de aprendizagem, principalmente verbal e de linguagem mais acentuada naquelas que tiveram convulsões por hipoglicemia. De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes, 440 mil crianças desenvolvem a doença, por ano, no mundo.

Dados dos Sistemas de Informação sobre Mortalidade (SIM) e do de Informações Hospitalares (SIH), do Ministério da Saúde, apontaram que, em média, são cerca de 60 mortes de crianças por ano por diabetes e 8.000 internações.

Atualmente, o Diabetes atinge 8,9% da população adulta do Brasil, de acordo com a Vigitel 2016. Desde 2006, o índice cresceu 61,8%, tendo maior prevalência nas brasileiras. O avanço das doenças crônicas no país preocupa, já que são consideradas um sério problema de saúde pública, sendo responsáveis por 63% das mortes no mundo, segundo estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS). No Brasil, o diabetes são a causa de 72,6% dos óbitos.

Linha de cuidado
O Ministério da Saúde dispõe de linha de cuidado para Diabetes mellitos, com o objetivo de controlar a glicemia e desenvolver o autocuidado nos pacientes. Parte da estratégia inclui a prescrição de insulinas em esquema intensivo. Para tratamento do DM1, estão à disposição no SUS, entre outros medicamentos, a insulina humana NPH - para a manutenção da glicemia - e a insulina humana regular (de ação rápida), a ser administrada cerca de 30 minutos antes das refeições.

Esses produtos estão disponíveis nas unidades de saúde ou por meio do Aqui Tem Farmácia Popular, que está presente em mais de 4 mil municípios. Por meio deste programa, em 2016, mais de 6,2 milhões de pacientes buscaram medicamentos gratuitos para diabetes. Esse número é mais que o dobro do total beneficiado em 2011 (2,6 milhões).

GUIA DE MEDICAMENTOS - Em junho deste ano, o Ministério da Saúde publicou um guia com recomendações e estratégias para a ampliação da oferta, do acesso e do uso racional de medicamentos em pacientes pediátricos. O documento é uma ação inédita na gestão federal, uma vez reúne um panorama da situação da assistência farmacêutica em pediatria, além de apresentar propostas e estratégias para se avançar na oferta de medicamentos para crianças. br>Um dos objetivos deste documento é a busca pelo aperfeiçoamento da assistência farmacêutica a esse público no SUS. O guia também serve de apoio para profissionais de saúde com dificuldades de ofertar tratamentos apropriados aos pequenos pacientes.

O Diabetes mellitus tipo 1 (DM1) é um conjunto de alterações metabólicas que se apresenta com hiperglicemia constante em função da deficiência na produção de insulina pelo pâncreas. Os indivíduos com DM1 dependem da administração de insulinas exógenas para manter os níveis de glicose no sangue na faixa da normalidade.

Servidores emparedam ministro Sarney Filho contra nomeações políticas

Por: O Informante    


Foto: Reprodução
Desde final de agosto, os servidores do ICMBio estão mobilizados contra as indicações políticas nas superintendências do Ibama nos estados e nas Coordenadorias Regionais do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que gere as Unidades de Conservação federais do país.
Já ocorreram duas indicações políticas nas coordenações do ICMBio, uma delas na Coordenação Regional 5 (CR-5), que abrange unidades do Maranhão, Piauí e Tocantins, e outra na CR-4, que tem sede em Belém e compreende uma parte das unidades localizadas no Estado do Pará e do Amapá.
Já no Ibama, o troca-troca nas superintendências têm sido tão frequentes quanto polêmicas. Os servidores já conseguiram barrar pelo menos três indicações consideradas desastrosas, como a de Neuvaldo David Oliveira (PR-BA), nomeado para a superintendência do Ibama da Bahia. Oliveira foi multado pelo órgão ambiental por instalar uma rede de abastecimento de energia elétrica em uma área de preservação permanente, quando era prefeito de Caravelas. Após mobilização, ele não tomou posse.
Atualmente, os servidores denunciam que o governo quer nomear indicados políticos para os coordenadores regionais da oitava região (CR-8) e da sexta (CR-6), que abarca 32 Unidades de Conservação no Ceará, Rio Grande do Norte, Piauí, Alagoas, Bahia, Sergipe, Paraíba e Pernambuco.
Os servidores do ICMBio iniciaram uma campanha no Avaaz para recolher assinaturas contra o loteamento de cargos no órgão.

terça-feira, 10 de outubro de 2017

PMDB põe Roseana no radar eleitoral



Foto: Reprodução
A Direção Nacional do PMDB contratou pesquisas de avaliação do cenários eleitorais em 10 estados. A lista de pesquisáveis incluiu o Maranhão, onde os peemedebistas sonham a candidatura da ex-governadora Roseana Sarney.
Roseana teve seu nome incluídos na pesquisa, antes mesmo da visita ao presidente Michel Temer, há 10 dias em Brasília (DF).
A pesquisa do PMDB e o trabalho do cientista político Antônio Lavareda é que vão iluminar a decisão de Roseana ser ou não ser candidata pela quinta vez ao governo do Maranhão.
Caso decida não enfrentar o governador Flávio Dino (PCdoB), a peemedebista será candidata à deputada estadual.

Judiciário maranhense prepara Semana Nacional da Conciliação no Estado

Pacificação

O objetivo é encerrar processos judiciais por meio de acordos.

 
Imirante.com


O vento será realizado entre os dias 27 de novembro e 1º de dezembro. ( Foto: Divulgação)
SÃO LUÍS - O Poder Judiciário do Maranhão está empenhado na preparação da Semana Nacional da Conciliação no Estado. O objetivo é encerrar processos judiciais por meio de acordos e permitir que a sociedade consiga solucionar o maior número possível de conflitos de maneira segura e célere.
Tendo em vista a importância e a regularidade do evento – que será realizado entre os dias 27 de novembro e 1º de dezembro desde ano – foi encaminhado ofício-circular às unidades judiciais solicitando a indicação do servidor (nome, matrícula e unidade de lotação) que terá acesso ao Sistema de Conciliação 2017.
Leia também:
O servidor indicado deverá acessar o sistema Sentinela e efetuar o cadastro do quantitativo de camisas até o dia 16 deste mês. Já o cadastro do quantitativo de audiências designadas deverá ser enviado até o dia 31 de outubro, para o email: informatica@tjma.jus.br.
O Núcleo de Solução de Conflitos do Tribunal de Justiça do Maranhão já está realizando reuniões com empresas maranhenses cujos processos estarão na pauta da Semana Nacional de Conciliação.
As planilhas serão encaminhadas aos juizados da Capital e do Interior, onde tramitam os referidos processos, assim como para as varas cíveis e de família. Os processos em pauta são de todas as comarcas do Maranhão, incluindo a de Ilha de São Luís.
O Núcleo já se reuniu com os secretários das 1ª, 4ª, 6ª e 7ª Varas de Família e das 1ª, 3ª, 4ª, 11ª, 13ª e 15ª Varas Cíveis e com representantes de várias empresas do Estado – encaminhou também ofício à Corregedoria Geral da Justiça recomendando que sejam suspensas as audiências de instrução durante a Semana Nacional da Conciliação, para que seja estimulada a efetivação de acordos durante sua realização.
A conciliação é orientada pela Resolução CNJ n. 125/2010, que instituiu a Política Judiciária Nacional de tratamento adequado dos conflitos de interesses no âmbito do Poder Judiciário.
Os princípios orientadores da Política do CNJ incluem informalidade, simplicidade, economia processual, celeridade, oralidade e flexibilidade processual. A solução de conflitos pela via da conciliação dispensa a atuação imediata de advogados e do juiz, que apenas valida formalmente os acordos negociados entre as partes.
O procedimento também foi incorporado ao novo Código de Processo Civil (CPC), que entrou em vigor em março do ano passado, como etapa processual obrigatória.

Juiz decide manter Nuzman preso por tempo indeterminado

Presidente do COB está preso desde a última quinta-feira (5), quando foi deflagrada a Operação Unfair Play - Segundo Tempo.

Cristina Indio do Brasil / Agência Brasil

RIO DE JANEIRO - O juiz da 7ª Vara Federal Criminal Marcelo Bretas, responsável pelos processos da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro, acatou o pedido do Ministério Público Federal (MPF) no estado e transformou de temporária para preventiva a prisão do presidente afastado do Comitê Olímpico do Brasil (COB) e do Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman.
Bretas atendeu ainda ao pedido do MPF de prorrogação da prisão temporária de Leonardo Gryner, ex-diretor do COB e do Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016. Nuzman e Gryner estão presos desde quinta-feira (5), quando foi deflagrada a Operação Unfair Play - Segundo Tempo, um desdobramento da Unfair Play, que revelou a compra de votos para a escolha do Rio como sede olímpica de 2016.
O prazo das prisões temporárias expirava hoje (9), e, com a decisão do juiz Bretas, Nuzman permanecerá detido por tempo indeterminado e Gryner por mais cinco dias.
Na decisão, o juiz Bretas diz que, inicialmente, tinha decidido apenas pelo depoimento de Nuzman com mandados de busca e apreensão. O aprofundamento das investigações, no entanto, identificou mais claramente a participação do dirigente esportivo no suposto esquema criminoso de compra de votos, o que motivou o pedido da prisão temporária na semana passada, além de nova busca e apreensão na residência dele.
O juiz destaca ainda que o objeto da investigação não se restringe à compra dos votos, que “seria apenas mais uma etapa de outra empreitada criminosa, bem maior, levada a efeito pela Organização Criminosa instalada na intimidade da administração do estado do Rio de Janeiro. Como já exaustivamente descrito nas decisões cautelares anteriores, às quais me reporto, a escolha da cidade do Rio de Janeiro como sede dos Jogos Olímpicos de 2016 teria criado a oportunidade adequada para a realização de várias obras de grande porte neste Estado”, indicou.
Bretas aponta ainda a evidência, por parte de Nuzman, de comportamento “tendente a promover ocultação criminosa de bens e direitos, sob a falsa aparência de regularidade fiscal”. Segundo o juiz, foram apreendidos e-mails datados de 29 de setembro deste ano, após a deflagração da Operação Unfair Play, em que o dirigente pede o pagamento, pelo COB, do contrato de prestação de serviços advocatícios com o escritório Nélio Machado Advogados, no valor de R$ 5.5 milhões.
Para o juiz, isso mostra que, além de ter influência no Comitê, Nuzman usava a entidade para pagamento de despesas pessoais, uma vez que o advogado o defende. “Ao que parece, Carlos Nuzman estaria utilizando recursos do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) para fazer face a despesas pessoais, já que o advogado Nélio Machado o representa pessoalmente nos processos criminais em curso neste Juízo. O que resta evidente com a proximidade entre o requerimento do pagamento a ser realizado e a deflagração da Operação Unfair Play, além da referida “urgência” para efetivação do pagamento dos honorários ao escritório de advocacia”.
Ainda no despacho, Bretas intima o COB e o Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016 para, no prazo de 24 horas, o conteúdo integral da caixa de email da secretária do Comitê Olímpico, Maria Celeste de Lourdes Campos Pedroso (maria.celeste@cob.org.br), que teria informações sobre operaçoes realizadas por Nuzman. O juiz pede ainda que os dois comitês esclareçam “as razões que levaram à impossibilidade da extração dos dados na data de 5 de outubro de 2017, no momento do cumprimento do mandado de busca e apreensão”.
Sobre a prorrogação da prisão temporária de Leonardo Gryner, o juiz afirmou que existe ainda grande quantidade de informações contidas em documentos e no aparelho celular do ex-dirigente que estão pendentes de análise.
Nuzman pediu afastamento do cargo na sexta-feira (6) passada, o que será analisado em assembleia geral extraordinária na próxima quarta-feira (11), às 14h30, na sede da entidade, na Barra da Tijuca. Na carta encaminhada ao COB, Nuzman afirma que vai provar sua inocência e que não poderia deixar o esporte olímpico brasileiro ser atingido pelos acontecimentos e investigações que o envolvem, segundo ele, "injustamente”.

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Neymar ocupa a primeira indicação entre finalistas da Bola De Ouro

Melhores do ano
 
 Ao total serão 30 jogadores concorrendo às premiações.
Imirante esporte


Neymar é finalista na premiação Bola de Ouro (Lucas Figueiredo / CBF)
SÃO PAULO- Nesta segunda-feira (09), a revista francesa France Football começou a publicar a lista dos jogadores que irão concorrer ao Prêmio Bola de Ouro, que tem como objetivo honrar atletas em posição de destaque no ano de 2017. O jogador brasileiro Neymar foi o primeiro a ser indicado, como representante do Paris Saint-Germain, seu atual time.
Na lista divulgada, Neymar é seguido por Modric (Real Madrid), Dybala (Juventus), Marcelo (Real Madrid) e Kanté (Chelsea), que ocupam a 2a, 3a, 4a e 5a posição, fechando as cinco primeiras indicações.
A revista ainda irá, ao longo do dia, divulgar mais 20 nomes indicados ao prêmio. Ao total serão 30 jogadores concorrendo às premiações.

Câmara começa a analisar nesta semana segunda denúncia contra Temer


A denúncia também é imputada também aos ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, e da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco.


Foto: Reprodução
Em uma semana mais curta por causa do feriado de 12 de outubro, a Câmara dos Deputados começará a análise da segunda denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer pelos crimes de obstrução da justiça e organização criminosa. A acusação de organização criminosa é imputada também aos ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, e da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco.
Por se tratarem de autoridades com foro privilegiado, a denúncia só pode ser analisada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) com a autorização da Câmara. A investigação só pode ocorrer se dois terços dos 513 deputados votarem em plenário favoravelmente à continuidade do processo na Justiça.
Antes de ser analisada em plenário, a denúncia deve passar pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara. A primeira reunião da comissão está marcada para a próxima terça-feira (10), a partir das 10h, quando está prevista a leitura do parecer elaborado pelo relator Bonifácio de Andrada (PSDB-MG).
Após a apresentação do parecer, ainda na terça-feira, os advogados dos três acusados poderão se manifestar oralmente para expor os argumentos de defesa contra a denúncia. Os membros da comissão poderão pedir o prazo de duas sessões para analisar o parecer e a manifestação dos acusados.
Plenário
Na pauta do plenário, consta uma medida provisória que altera procedimentos administrativos dotando o Banco do Brasil e a Comissão de Valores Mobiliários, “de instrumentos mais efetivos de supervisão e aplicação de penalidades” cometidas por instituições financeiras.
Na sessão deliberativa de terça, o plenário pode começar a discutir a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 134/2015, que institui cotas para mulheres no Legislativo. A proposta passou pelo Senado, já foi aprovada em duas comissões da Câmara e aguarda, desde o ano passado, votação pelos deputados em plenário.
A proposta chegou a ser pautada na última semana entre as medidas de reforma política, mas permaneceu pendente de votação. A sugestão de mudança constitucional estabelece a reserva de 10% das vagas das câmaras de vereadores de todos os municípios, assembleias legislativas estaduais e da Câmara Federal para candidatas mulheres.
Por se tratar de uma proposta de emenda à Constituição, são necessários pelo menos 308 votos favoráveis no plenário para que a PEC seja aprovada.
Segundo a relatora da proposta, deputada Soraya Santos (PMDB-RJ), a maior parte da bancada feminina da Câmara considera tímida a cota de 10%, quando muitos países, entre os quais o Chile, já aprovaram reservas de 30 a 40%. Soraya destaca, entretanto, que a aprovação da PEC seria um passo importante para acabar com a sub-representação feminina no Parlamento e com a fraude de usar mulheres como “laranjas” para ajudar a eleger homens.